Valentine’s Day!

Seria o Dia dos Namorados realmente uma ” versão Herbert Richers” do Valentine’s Day?

Vim para os Estados Unidos com duas malas de 32 kgs, uma mochila e com a cabeça repleta de expectativa, um pouco de realidade, alguns medos e muitas incertezas. Naquela época – não tão distante assim – a última das minhas preocupações seria em me adaptar a uma cultura que supostamente era “igual” a minha. Afinal, eu amo hambúrguer, batata frita e Coca Cola ( kit básico de sobrevivência do americano!). Durante toda a minha vida sempre escutei mais músicas em inglês do que em português além de falar consideravelmente a língua.

 Inocente …. 

Quando cheguei aqui foi aquele BOOOM! Tudo diferente! 

Dizer que estou 100% adaptada seria uma bela de uma mentira afinal até zapear os canais da TV é complicado porque até hoje eu não sei dizer ao certo o que passa na programação americana e preciso confessar que esse é o grande motivo pelo qual minha TV basicamente não sai da ABC.

Mas em contrapartida cada dia tem sido uma descoberta, um sabor ou uma programação diferente e isso super vale a pena!

Quando pisei em solo americano tinha aquela velha idéia de que Dia dos Namorados e Valentine’s Day eram a mesma coisa só que com nomes diferentes como o Natal ( e Christmas). Não é!

As diferenças começam logo na data e isso tem explicação! Enquanto no Brasil a data é celebrada no dia 12 de Junho no Estados Unidos ela passa a ser no dia 14 de Fevereiro.

today-i-found-out-valentines

Foto: Today I Found Out

 

A história por trás da data é bem interessante independente da localização. 

O Valentine’s Day se iniciou na idade média através do Papa Gelasius I, no ano de 496, e recebeu este nome em homenagem a São Valentim que foi um mártir cristão que celebrava o casamento de jovens ás escondidas durante a idade média. 

No Brasil, a data é celebrada desde 1948 quando a extinta rede de lojas A Exposição Clipper percebeu que em junho havia uma queda nas vendas devido o mês não possuir nenhuma data festiva. Visando aumentar os lucros a empresa contratou o publicitário  João Doria ( Ele mesmo! O pai do novo prefeito de São Paulo) que inspirado pelo Valentine’s Day criou o Dia dos Namorados.

A data não foi escolhida ao acaso! O dia de Santo Antônio, mais conhecido como “santo casamenteiro”, é no dia 13 de junho vindo a calhar perfeitamente.

brasileirospontocom-diadosnamorados

Propaganda Original .Foto: brasileiros.com

A celebração demorou a se popularizar, porém com o auxílio da igreja católica e das festas juninas que exaltavam Santo Antônio  como “santo casamenteiro” a correlação entre os dias 12 – dos namorados – e dia 13 – do Santo – se tornou certeira e muito lucrativa com o passar dos anos tornando o Dia dos Namorados a terceira data que mais rende lucros do Brasil perdendo apenas para o Natal ou o Dia das Mães.

O real significado da data permanece sendo o amor nos dois países, porém nos Estados Unidos este sentimento é tratado de forma muito mais ampla. Toda forma de amor merece ser comemorada independente se é entre dois namorados, entre melhores amigos ou entre pais e filhos.

No Brasil a data é extremamente comercial um óbvio reflexo de sua origem o que difere em partes dos Estados Unidos. A troca de presentes está culturalmente intriseca á comemoração nos dois países e por aqui é bem tradicional a troca de cartões, chocolates e flores além de os mercados viraram uma verdadeira explosão rosa com direito a muitos ursinhos de pelúcia e mensagens de amor.

image

Stella Blu Cosmetics, Rome GA. Foto: stellablucosmeticboutique ( Instagram da loja)

Além de ser muito normal decorar ruas com o tema.

Se você quer mergulhar a fundo na cultura americana definitivamente não pode deixar este “feriado” de lado pois eles levam a data a sério mesmo que dia 14 de fevereiro seja um dia útil convencional.

Você não precisa estar nos Estados Unidos para fazer um gesto de carinho á quem se ama. Seja pai, mãe, namorada, cachorro, marido ou para sua melhor amiga porque não aproveitar este 14 de fevereiro e fazer uma demonstração de amor ou carinho? Independente se for uma carta, chocolate, um presente ou até algumas palavras o que importa mesmo é propagar o amor por aí.

Happy Valentine’s Day,

carol-nrave-new-rome

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s